Modelo importado da Inglaterra em 1854
Malaposta

Em 1859, a ligação entre Lisboa e Porto através das carreiras da Malaposta fazia-se em 34 horas e passava por 23 estações de muda. Apesar do bom serviço que as diligências prestavam nessa altura, a sua extinção foi irreversível com o aparecimento do comboio, embora se mantivessem em actividade durante mais algum tempo, como atestam os «manuais do viajante» da época.

10 setembro 2012

Ainda o Simplex

Simplex foi a designação acolhida pelo governo para a sua iniciativa de combate à burocracia. Convenhamos que o nome se adequa mais a uma pomada para as varizes do que a um programa governamental. São 333 - nem 332 nem 334, mas, precisamente, 333 - o número de medidas que o compreendem. Trezentos e trinta e três cheira a enxofre e apela à cabalística. É um número estranho, inquietante e diabólico. Exala intenso odor e sugere a presença do mafarrico.
Numa perspectiva mais terrena e simplex, 333 medidas constituem um pacote interminável de actos, procedimentos, requerimentos e circulares e comportam uma ruptura com muitos anos de rotinas administrativas. Mas ninguém se iluda. Para muitos o Simplex vai ser verdadeiramente complicadex. A opinião pública não cessou ainda as loas à visão e à audácia do governo, enaltecendo a sua determinação e saudando a sua coragem. O Simplex é maravilhex e vai dar um resultadex. Como o Nasex, desobstruirá as narinas congestionadas de um Estado constipado e ranhoso. Como o Durex, evitará doenças e pragas e protegerá a papelada de procriações não desejadas e irresponsáveis. Como o Fludex, regulará a tensão de uma estrutura pública ansiosa e hipertensa. Como o Mijex, repelirá os insectos que parasitam e afligem a imensa epiderme gordurosa do "monstro", assim baptizado pelo ora presidente Cavaco.
Fiquei, porém, preucupado com o esclarecimento prestado por ilustre professor universitário e farmacêutico, velho amigo e renomado especialista destas matérias. O sufixo "ex" prenuncia medicamento fraco, quase placebo, um pouco "banha da cobra". Assim, na lógica farmacêutica, o Simplex valerá mais pelo continente do que pelo conteúdo e, na prática, pouco mudará. Esta perspectiva científica não permite alimentar muitas esperanças relativamente a um programa com este sufixo. Não podendo o governo alterar aquele, mude pelo menos este. Adopte um "ox" que contagia e dá força, ou um "in", mais aveludado e interactivo. Este último, aliás, condiz melhor com o estilo fashion do primeiro-ministro e com o moleskin que garbosamente deposita na já famosa mesa de pé de galo onde semanalmente reúne com o PR.

NM, Zé de Bragança.
Malaposta 1º modelo português de 1798

Etiquetas:

Home»»Hi!

1 Comments:

At 04 outubro, 2006 15:59, Blogger magnolia said...

dmeeg
O Simplex mais parece uma marca de spray ambientador, que em vez de amenizar o ambiente, pelo contrário, deixa um odor desagradável e dura... dura... dura...

 

Enviar um comentário

<< Home

since 05.12.2005

  • [_Top of Page_]
  • Malaposta

    Subscribe to: Posts (Atom)

    Referer.Org: Referer.Org.Feeds Free counters!