Modelo importado da Inglaterra em 1854
Malaposta

Em 1859, a ligação entre Lisboa e Porto através das carreiras da Malaposta fazia-se em 34 horas e passava por 23 estações de muda. Apesar do bom serviço que as diligências prestavam nessa altura, a sua extinção foi irreversível com o aparecimento do comboio, embora se mantivessem em actividade durante mais algum tempo, como atestam os «manuais do viajante» da época.

05 abril 2006

José Saramago na ópera

Com a devida vénia ao Bicho Carpinteiro copio o post " em título:", assinado por Medeiros Ferreira:

Esta noite encontrei no S.Carlos José Saramago na terceira apresentação de IL DISSOLUTO ASSOLTO, cujo libretto da sua autoria altera o mito de Don Tenório, o Don Giovanni de Mozart e de Lorenzo da Ponte. E desta vez as palavras e a história numa ópera são mais harmoniosas do que a música. Com a excepção dos excertos da saturada ária de Leporello que parece fadada a ser cantada, no futuro, pela Zerlina de José Saramago.
Apreciei a naturalidade com que este se passeou, e conversou, no átrio do teatro como se estivesse a ver um espectáculo de outra autoria.

Etiquetas:

Home»»Hi!

1 Comments:

At 05 abril, 2006 13:56, Blogger magnolia said...

a.castro,
a) Saramago, reescreveu a história de Don Giovanni, e não pretendendo vê-lo punido pelas mulheres que seduziu, acabou por transformar o drama num verdadeiro “romance” digno do seu prémio Nobel!
Don Giovanni, com a ajuda da caneta de Saramago, redimiu-se do seu passado através do amor pela criada Zerlina, passando pois a merecer a salvação. O Dissoluto não é afinal absolvido: é salvo!!!!
Pessoalmente, prefiro esta versão.
b) JMF apreciou a naturalidade com que este se passeou, e conversou, no átrio do teatro como se estivesse a ver um espectáculo de outra autoria. Não entendo porque teria de ser diferente. Saramago escreveu o “libreto”…não o cantou nem representou…Certamente estaria ali como apenas um dos muitos apreciadores de ópera presentes como José Saramago, não como o prémio Nobel. A grandeza dos Homens está nas atitudes, não nas vicissitudes.
Beijos

 

Enviar um comentário

<< Home

since 05.12.2005

  • [_Top of Page_]
  • Malaposta

    Subscribe to: Posts (Atom)

    Referer.Org: Referer.Org.Feeds Free counters!