Modelo importado da Inglaterra em 1854
Malaposta

Em 1859, a ligação entre Lisboa e Porto através das carreiras da Malaposta fazia-se em 34 horas e passava por 23 estações de muda. Apesar do bom serviço que as diligências prestavam nessa altura, a sua extinção foi irreversível com o aparecimento do comboio, embora se mantivessem em actividade durante mais algum tempo, como atestam os «manuais do viajante» da época.

25 outubro 2006

Vampiros

Que curioso é este último Orçamento do Estado!

Bem intencionado, conciso, contendo todos os elementos conotados como "não se percebe nada" ou "já estou!...", que é como quem diz "já me filaram por trás". Também há a versão Zeca Afonso: "Eles comem tudo e não deixam nada." Olha-se para este orçamento e é-se, imediatamente, atingido por uma sensação de desespero, náuseas, insónias. É extraordinário assistir à desintegração de todos os sentidos quando se confrontam com a negra realidade, que o sr. ministro Teixeira dos Santos faz questão de pintar com cores do arco-íris e bolos e cerejas no fundo dos bolos. Teixeira dos Santos é um actor de nenhum tamanho. Quer um Estado cada vez mais gordo, gordo, gordo, mas com um pequenino coração sentimental. Daqui ninguém sai vivo. Ele fala em contenção e rigor e a despesa pública está cada vez mais incontinente.
Pois ele diz que os impostos não vão aumentar. Pois é! Aumentaram! Até para os pensionistas, que já não têm sequer solas para roer. Pois o sr. ministro parece uma fada "não madrinha", mas madrasta, que fala a verdade a mentir. Pois é! O nosso dinheiro vai-se, enquanto nós não nos conseguimor vir de lado nenhum, nem ir a qualquer lado, nem sequer ver uma luz ao fundo do túnel, a não ser a do tal comboio que a tudo atropela. Não quero fazer-me de engraçado ou falar por paradoxos, como o senhor ministro. Mas, se ele nos quer chupar até ao tutano, que abra a boca para o dizer abertamente. É que, assim, pelo mais, dói menos!

Paulo Anes, in Destak.

Etiquetas:

Home»»Hi!

3 Comments:

At 26 outubro, 2006 05:25, Blogger Sofocleto said...

E entretanto os lucros dos bancos, que o governo tanto protege, disparam em direcção à estratosfera

 
At 27 outubro, 2006 01:02, Blogger Ludovicus Rex said...

Vampiros...e muito mais...

 
At 09 novembro, 2006 23:48, Blogger magnolia said...

Este oe é considerado pelos "inteligentes" um orçamento de rigor. Eu digo que concordo. É um de um rigor mortis que vem dar a machadada final no povo. Um orçamento feito por tecnocratas, sem a mínima consciência social e política, atropelando a nossa Constituição, sem o mínimo pudor. Apoiados numa maioria absoluta "virtual", acham-se donos deste país e estão empenhados seriamente em empurrar-nos a todos para o desespero, salvaguardando os interesses cooporativos do capital e dos empresários, descaradamente ligados aos vários cargos públicos ou políticos. Num país com tantas carências sociais, com um sitema de saúde pilhado e degradado, e onde a educação e a cultura ficam a cada dia que passa mais enfermas, descobrimos que neste oe as prioridades do governo vão para a ciência, como se vivessemos na Noruega, descurando tudo o que é essencial.
É fartar, vilanagem!!

 

Enviar um comentário

<< Home

since 05.12.2005

  • [_Top of Page_]
  • Malaposta

    Subscribe to: Posts (Atom)

    Referer.Org: Referer.Org.Feeds Free counters!